titulo texto site

A+ A A-

23/10 - 2ª-feira da 29ª Semana do Tempo Comum

Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos

Irmãos: Diante da promessa divina, Abraão não duvidou por falta de fé, mas revigorou-se na fé e deu glória a Deus, convencido de que Deus tem poder para cumprir o que prometeu. Esta sua atitude de fé lhe foi creditada como justiça. Afirmando que a fé lhe foi creditada como justiça, a Escritura visa não só à pessoa de Abraão, mas também a nós, pois a fé será creditada também para nós que cremos naquele que ressuscitou dos mortos Jesus, nosso Senhor. Ele, Jesus, foi entregue por causa de nossos pecados e foi ressuscitado para nossa justificação.
Palavra do Senhor.
Graças a Deus!

Salmo Responsorial - Lc 1,69-70.

Refrão: Bendito seja o Senhor Deus de Israel, porque a seu povo visitou e libertou!

Fez surgir um poderoso Salvador na casa de Davi, seu servidor, como falara pela boca de seus santos, os profetas desde os tempos mais antigos.
Refrão: Bendito seja o Senhor Deus de Israel, porque a seu povo visitou e libertou

para salvar-nos do poder dos inimigos e da mão de todos quantos nos odeiam. Assim mostrou misericórdia a nossos pais, recordando a sua santa Aliança.
Refrão: Bendito seja o Senhor Deus de Israel, porque a seu povo visitou e libertou

e o juramento a Abraão, o nosso pai, de conceder-nos 74que, libertos do inimigo, a ele nós sirvamos sem temor em santidade e em justiça diante dele, enquanto perdurarem nossos dias.
Refrão: Bendito seja o Senhor Deus de Israel, porque a seu povo visitou e libertou

Evangelho - Lc 12,13-21

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas

Naquele tempo: Alguém, do meio da multidão, disse a Jesus: 'Mestre, dize ao meu irmão que reparta a herança comigo.' Jesus respondeu: 'Homem, quem me encarregou de julgar ou de dividir vossos bens?' E disse-lhes: 'Atenção! Tomai cuidado contra todo tipo de ganância, porque, mesmo que alguém tenha muitas coisas, a vida de um homem não consiste na abundância de bens.' E contou-lhes uma parábola: 'A terra de um homem rico deu uma grande colheita. Ele pensava consigo mesmo: 'O que vou fazer? Não tenho onde guardar minha colheita'. Então resolveu: 'Já sei o que fazer! Vou derrubar meus celeiros e construir maiores; neles vou guardar todo o meu trigo, junto com os meus bens. Então poderei dizer a mim mesmo: - Meu caro, tu tens uma boa reserva para muitos anos. Descansa, come, bebe, aproveita!' Mas Deus lhe disse: 'Louco! Ainda nesta noite, pedirão de volta a tua vida. E para quem ficará o que tu acumulaste?' Assim acontece com quem ajunta tesouros para si mesmo, mas não é rico diante de Deus.'
Palavra da Salvação
Glória a vós Senhor!

Refletindo ...

São Paulo continua insistindo na importância da fé para a nossa salvação, lembrando que Abraão confiou plenamente em Deus na certeza de que tudo o que havia dito se cumpriria se tivesse fé, E nossa fé hoje deve estar alicerçada em Jesus Cristo que ressuscitou dos mortos e que com o Pai e o Espírito Santo, nos ama e é fiel. Jesus no evangelho nos chama atenção novamente para a importância do desapego aos bens matérias, pois estes não nos acompanham quando somos chamados por Deus para prestar contas de nossa vida, mas ficam, para os outros, que muitas vezes nada fizeram para tê-los. Não sabemos quando seremos chamados e por esta razão devemos sempre estar prontos, viver cada momento como se fosse o último de nossa vida. Justamente por isto de que adianta se apegar aos bens materiais, se a qualquer momento podemos deixar tudo para os outros, não importa quem seja, mas que muitas vezes pode até ser causa de perdição, para estas pessoas, embora às vezes possa ser de grande auxílio. Na verdade, devemos nos preocupar em acumular bens, lá junto a Deus, vivendo realmente o amor de deus e o amor para com o próximo, pois quem ama a deus ama também ao próximo, e saber ser sempre alguém que ajuda, que dá o bom exemplo, que está sempre pronto em ajudar o irmão que necessita de sua ajuda.

22-10 - 29º Domingo do Tempo Comum

1ª Leitura - Is 45,1.4-6

Leitura do Livro do Profeta Isaías

Isto diz o Senhor sobre Ciro, seu Ungido: 'Tomei-o pela mão para submeter os povos ao seu domínio, dobrar o orgulho dos reis, abrir todas as portas à sua marcha, e para não deixar trancar os portões. Por causa de meu servo Jacó, e de meu eleito Israel, chamei-te pelo nome; reservei-te, e não me reconheceste. Eu sou o Senhor, não existe outro: fora de mim não há deus. Armei-te guerreiro, sem me reconheceres, para que todos saibam, do oriente ao ocidente, que fora de mim outro não existe. Eu sou o Senhor, não há outro.
Palavra do Senhor.

Salmo Responsorial - Sl 95

Refrão: Ó família das nações, dai ao Senhor poder e glória.

Cantai ao Senhor Deus um canto novo, cantai ao Senhor Deus, ó terra inteira! 3manifestai a sua glória entre as nações, e entre os povos do universo seus prodígios!
Refrão: Ó família das nações, dai ao Senhor poder e glória

Pois Deus é grande e muito digno de louvor, é mais terrível e maior que os outros deuses, porque um nada são os deuses dos pagãos. Foi o Senhor e nosso Deus quem fez os céus.
Refrão: Ó família das nações, dai ao Senhor poder e glória

 família das nações, dai ao Senhor, ó nações, dai ao Senhor poder e glória, dai-lhe a glória que é devida ao seu nome! Oferecei um sacrifício nos seus átrios.
Refrão: Ó família das nações, dai ao Senhor poder e glória

Adorai-o no esplendor da santidade, terra inteira, estremecei diante dele! Publicai entre as nações: 'Reina o Senhor!' pois os povos ele julga com justiça.
Refrão: Ó família das nações, dai ao Senhor poder e glória

2ª Leitura - 1Ts 1,1-5b

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Tessalonicenses

Paulo, Silvano e Timóteo, à igreja dos tessalonicenses, reunida em Deus Pai e no Senhor Jesus Cristo: a vós, graça e paz! Damos graças a Deus por todos vós, lembrando-vos sempre em nossas orações. Diante de Deus, nosso Pai, recordamos sem cessar a atuação da vossa fé, o esforço da vossa caridade e a firmeza da vossa esperança em nosso Senhor Jesus Cristo. Sabemos, irmãos amados por Deus, que sois do número dos escolhidos. Porque o nosso evangelho não chegou até vós somente por meio de palavras, mas também mediante a força que é o Espírito Santo; e isso, com toda a abundância.
Palavra do Senhor.
Graças a Deus!

Evangelho - Mt 22,15-21

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus

Naquele tempo: Os fariseus fizeram um plano para apanhar Jesus em alguma palavra. Então mandaram os seus discípulos, junto com alguns do partido de Herodes, para dizerem a Jesus: 'Mestre, sabemos que és verdadeiro e que, de fato, ensinas o caminho de Deus. Não te deixas influenciar pela opinião dos outros, pois não julgas um homem pelas aparências. Dize-nos, pois, o que pensas: É lícito ou não pagar imposto a César?' Jesus percebeu a maldade deles e disse: 'Hipócritas! Por que me preparais uma armadilha? Mostrai-me a moeda do imposto!' Trouxeram-lhe então a moeda. E Jesus disse: 'De quem é a figura e a inscrição desta moeda?' Eles responderam: 'De César.' Jesus então lhes disse: 'Dai pois a César o que é de César, e a Deus o que é de Deus.'
Palavra da Salvação.
Glória a vós Senhor!

Refletindo ...

Isaías nos mostra que Deus se serve de Ciro, para ajudar a Israel, por causa de sua promessa a Jacó, provando assim que Ele é o único Deus e não existe outro além d'Ele. Ao passo que Paulo lembra que sempre em suas orações reza por todos aqueles que foram convertidos e especialmente por alguns. Para que permaneçam firmes na fé, para que com as luzes do Espírito santo recebam graças em abundância. O evangelho de hoje nos chama atenção novamente para o fato de que não podemos servir a dois senhores, quando Jesus diz: "Dai a Cesar o que é de Cesar e a Deus o que é de Deus". Jesus assim nos mostra que não podemos agradar o mundo e agradar a Deus. Cristo com isto nos alerta de que os bens deste mundo não devem nos desviar do amor de Deus, mas pelo contrário, possam até nos ajudar a ser mais fiéis a deus, praticando a caridade, auxiliando aos que possuem menos do que nós, pois é dando que se recebe mais de Deus. Saber amar aos irmãos é se desprender dos bens materiais., para se prender aos bens espirituais e ao amor de Deus.

21/10 - Sábado da 28ª Semana do Tempo Comum

1ª Leitura - Rm 4,13.16-18

Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos

Irmãos: Não foi por causa da Lei, mas por causa da justiça que vem da fé, que Deus prometeu o mundo como herança a Abraão ou à sua descendência. É em virtude da fé que alguém se torna herdeiro. Logo, a condição de herdeiro é uma graça, um dom gratuito, e a promessa de Deus continua valendo para toda a descendência de Abraão, tanto para a descendência que se apega à Lei, quanto para a que se apoia somente na fé de Abraão, que é o pai de todos nós. Pois está escrito: 'Eu fiz de ti pai de muitos povos'. Ele é pai diante de Deus, porque creu em Deus que vivifica os mortos e faz existir o que antes não existia. Contra toda a humana esperança, ele firmou-se na esperança e na fé. Assim, tornou-se pai de muitos povos, conforme lhe fora dito: 'Assim será a tua posteridade'.
Palavra do Senhor.
Graças a Deus!

Salmo Responsorial - Sl 104

Refrão: O Senhor se lembra sempre da Aliança.

Descendentes de Abraão, seu servidor, e filhos de Jacó, seu escolhido, ele mesmo, o Senhor, é nosso Deus, vigoram suas leis em toda a terra
Refrão: O Senhor se lembra sempre da Aliança.

Ele sempre se recorda da Aliança, promulgada a incontáveis gerações; da Aliança que ele fez com Abraóo, e do seu santo juramento a Isaac.
Refrão: O Senhor se lembra sempre da Aliança.

Ele lembrou-se de seu santo juramento, que fizera a Abraão, seu servidor. Fez sair com grande júbilo o seu povo, e seus eleitos, entre gritos de alegria.
Refrão: O Senhor se lembra sempre da Aliança.

Evangelho - Lc 12,8-12

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: Todo aquele que der testemunho de mim diante dos homens, o Filho do Homem também dará testemunho dele diante dos anjos de Deus. Mas aquele que me renegar diante dos homens, será negado diante dos anjos de Deus. Todo aquele que disser alguma coisa contra o Filho do Homem será perdoado. Mas quem blasfemar contra o Espírito Santo não será perdoado. Quando vos conduzirem diante das sinagogas, magistrados e autoridades, não fiqueis preocupados como ou com que vos defendereis, ou com o que direis. Pois nessa hora o Espírito Santo vos ensinará o que deveis dizer.'
Palavra da Salvação.
Glória a vós Senhor!

Refletindo ...

Foi por causa de sua fé que Abraão foi escolhido para ser o pai de uma grande geração, por sua confiança plena em Deus. Tudo o que fazia era na certeza de que Deus estava ao seu lado e seu proceder era correto, mesmo quando lhe pediu uma prova de sua honestidade. E foi por testemunhar ao Deus vivo em qualquer lugar, que se tornou o pai da grande nação, No evangelho de hoje Jesus nos chama atenção para o pecado contra o espírito santo, pois este não terá perdão. E é justamente neste instante que Ele nos lembra que nossas defesas devem estar baseadas em Deus, pois Ele no defende sempre e se preciso nos dará palavras acertadas que não conseguirá rebater. Pois o Espírito Santo estará conosco e nos em ensinará o que devemos dizer nesta hora difícil. Sim Jesus nos lembra que o mais importante é amar sobre todas as coisas e o resto virá de acréscimo. Não devemos nos preocupar com as perseguições ou com o que cevemos dizer nesta hora porque Deus estará do nosso lado ajudando a enfrentar a situação com muita fé.

20/10 - 6ª-feira da 28ª Semana do Tempo Comum

1ª Leitura - Rm 4,1-8

Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos

Irmãos: Que vantagem diremos ter obtido Abraão, nosso pai segundo a carne? Pois se Abraão se tornou justo em virtude das obras, está aí seu motivo de glória... mas não perante Deus! Com efeito, o que diz a Escritura? 'Abraão creu em Deus, e isso lhe foi creditado como justiça'. Ora, para quem faz um trabalho, o salário não é creditado como um presente gratuito, mas como uma dívida. Porém, para a pessoa que, em vez de fazer um trabalho, crê naquele que torna justo o ímpio, a sua fé lhe é creditada como atestado de justiça. É assim que Davi declara feliz o homem a quem Deus credita a justiça independentemente das obras: 'Felizes aqueles cujas transgressões foram remidas e cujos pecados foram perdoados; feliz o homem do qual Deus não leva em conta o pecado.'
Palavra do Senhor.
Graças a Deus!

Salmo Responsorial- Sl 31

Refrão: Vós sois para mim proteção e refúgio, eu canto bem alto a vossa salvação.

Feliz o homem que foi perdoado e cuja falta já foi encoberta! Feliz o homem a quem o Senhor não olha mais como sendo culpado, e em cuja alma não há falsidade!
Refrão: Vós sois para mim proteção e refúgio, eu canto bem alto a vossa salvação.

Eu confessei, afinal, meu pecado, e minha falta vos fiz conhecer. Disse: 'Eu irei confessar meu pecado!' E perdoastes, Senhor, minha falta.
Refrão: Vós sois para mim proteção e refúgio, eu canto bem alto a vossa salvação.

Regozijai-vos, ó justos, em Deus, e no Senhor exultai de alegria! Corações retos, cantai jubilosos!
Refrão: Vós sois para mim proteção e refúgio, eu canto bem alto a vossa salvação.

Evangelho - Lc 12,1-7

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas

Naquele tempo: Milhares de pessoas se reuniram, a ponto de uns pisarem os outros. Jesus começou a falar, primeiro a seus discípulos: 'Tomai cuidado com o fermento dos fariseus, que é a hipocrisia. Não há nada de escondido, que não venha a ser revelado, e não há nada de oculto que não venha a ser conhecido. Portanto, tudo o que tiverdes dito na escuridão, será ouvido à luz do dia; e o que tiverdes pronunciado ao pé do ouvido, no quarto, será proclamado sobre os telhados. Pois bem, meus amigos, eu vos digo: não tenhais medo daqueles que matam o corpo, não podendo fazer mais do que isto. Vou mostrar-vos a quem deveis temer: temei aquele que, depois de tirar a vida, tem o poder de lançar-vos no inferno. Sim, eu vos digo, a este temei. Não se vendem cinco pardais por uma pequena quantia? No entanto, nenhum deles é esquecido por Deus. Até mesmo os cabelos de vossa cabeça estão todos contados. Não tenhais medo! Vós valeis mais do que muitos pardais.
Palavra da Salvação.
Glória a vós Senhor!

Refletindo ...

Abraão foi escolhido por Deus, para ser o pai do povo escolhido para receber o Salvador, porque acreditou em Deus e porque fez a sua vontade e assim obtinha oi perdão de seus erros, porque Deus e sua misericórdia e justiça o perdoava quando falhava, mas graças a sua fé no Deus único foi capaz de seguir em frente. Mais uma vez Jesus nos adverte que muitas pessoas apesar de seu conhecimento não seguem o que ensinam, e que estas pessoas não devem ser seguidas. E nos alerta que quando seguimos seus ensinamentos seremos perseguidos, ameaçados e muitos poderão ser mortos, mas que estas pessoas, apenas matam nosso corpo. Cuidado porém com as pessoas o o que pode matar nossa alma e nos condenar ao inferno. Não devemos jamais esquecer que Deus vela por nós noite e dia e que está ao nosso lado sempre para nos proteger e guiar, mas quer que nós também façamos o esforço de segui-lo e de invoca-lo, para que nos ajude.

19/10 - 5ª-feira da 28ª Semana do Tempo Comum

1ª Leitura - Rm 3,21-30

Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos

Irmãos: Agora, sem depender do regime da Lei, a justiça de Deus se manifestou, atestada pela Lei e pelos Profetas; justiça de Deus essa, que se realiza mediante a fé em Jesus Cristo, para todos os que têm a fé. Pois diante desta justiça não há distinção: todos pecaram e estão privados da glória de Deus, e a justificação se dá gratuitamente, por sua graça, em virtude da redenção realizada em Jesus Cristo. Deus destinou Jesus Cristo a ser, por seu próprio sangue, instrumento de expiação mediante a realidade da fé. Assim Deus mostrou sua justiça em ter deixado sem castigo os pecados cometidos outrora, no tempo de sua tolerância. Assim ainda ele demonstra sua justiça no tempo presente, para ser ele mesmo justo, e tornar justo aquele que vive a partir da fé em Jesus. Onde estaria, então, o direito de alguém se gloriar? - Foi excluído. Por qual lei? Pela lei das obras? - Absolutamente não, mas, sim, pela lei da fé. Com efeito, julgamos que o homem é justificado pela fé, sem a prática da Lei judaica. Acaso Deus é só dos judeus? Não é também Deus dos pagãos? Sim, é também Deus dos pagãos. Pois Deus é um só.
Palavra do Senhor.
Graças a Deus!

Salmo Responsorial - Sl 129

Refrão: No Senhor se encontra toda graça e copiosa redenção!

Das profundezas eu clamo a vós, Senhor, escutai a minha voz! Vossos ouvidos estejam bem atentos ao clamor da minha prece!
Refrão: No Senhor se encontra toda graça e copiosa redenção!

Se levardes em conta nossas faltas, quem haverá de subsistir? Mas em vós se encontra o perdão, eu vos temo e em vós espero.
Refrão: No Senhor se encontra toda graça e copiosa redenção!

No Senhor ponho a minha esperança, espero em sua palavra. A minh'alma espera no Senhor mais que o vigia pela aurora.
Refrão: No Senhor se encontra toda graça e copiosa redenção!

Evangelho - Lc 11,47-54

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas

Naquele tempo, disse Jesus: Ai de vós, porque construís os túmulos dos profetas; no entanto, foram vossos pais que os mataram. com isso, vós sois testemunhas e aprovais as obras de vossos pais, pois eles mataram os profetas e vós construís os túmulos. É por isso que a sabedoria de Deus afirmou: 'Eu lhes enviarei profetas e apóstolos, e eles matarão e perseguirão alguns deles, a fim de que se peçam contas a esta geração do sangue de todos os profetas, derramado desde a criação do mundo, desde o sangue de Abel até o sangue de Zacarias, que foi morto entre o altar e o santuário. Sim, eu vos digo: serão pedidas contas disso a esta geração. Ai de vós, mestres da Lei, porque tomastes a chave da ciência. Vós mesmos não entrastes, e ainda impedistes os que queriam entrar.' Quando Jesus saiu daí, os mestres da Lei e os fariseus começaram a tratá-lo mal, e a provocá-lo sobre muitos pontos. Armavam ciladas, para pegá-lo de surpresa, por qualquer palavra que saísse de sua boca.
Palavra da Salvação.
Glória a vós Senhor!

Refletindo ...

Ao falar da fé Paulo nos lembra que para a obtermos a salvação não precisamos seguir a lei mosaica, e é pela fé que somos justificados por Deus, pois Deus não é só dos judeus, mas é Deus de todos nós, pois Ele é um só. Jesus lembra, aos grandes da Jerusalém que eles foram os responsáveis pela morte dos profetas enviados por Deus, porque eles os advertiam de que estavam no caminho do erro, mas não aceitaram este aviso e desprezavam os profetas e até mesmo os matavam, para não ouvir mais a sua voz alertando-os do erro. Depois ainda diz, ai de vós, porque tomastes a chave da ciência, e ainda impedis que outros possam entrar. Isto com certeza os irritou e procuravam matar a Jesus, por1que não queriam ouvir seus alertas e admoestações. Será que nós às vezes não fazemos o mesmo, para não ouvir os alertas de nossos erros, procuramos fechar os ouvidos desviar nossa atenção para não ouvir os alertas de que precisamos guiar nossa vida pelos ensinamentos que o próprio Jesus nos transmitiu, e de amar sem medida a Deus e aos irmãos.