titulo texto site

A+ A A-

23/09 - 25º Domingo do Tempo Comum

1ª Leitura - Sb 2,12.17-20

Leitura do Livro da Sabedoria

Os ímpios dizem: Armemos ciladas ao justo, porque sua presença nos incomoda: ele se opõe ao nosso modo de agir, repreende em nós as transgressões da lei e nos reprova as faltas contra a nossa disciplina. Vejamos, pois, se é verdade o que ele diz, e comprovemos o que vai acontecer com ele. Se, de fato, o justo é 'filho de Deus', Deus o defenderá e o livrará das mãos dos seus inimigos. Vamos pô-lo à prova com ofensas e torturas, para ver a sua serenidade e provar a sua paciência; vamos condená-lo à morte vergonhosa, porque, de acordo com suas palavras, virá alguém em seu socorro'.
Palavra do Senhor.
Graças a Deus!

Salmo Responsorial - Sl 53

Refrão: É o Senhor quem sustenta minha vida!

Por vosso nome, salvai-me, Senhor; e dai-me a vossa justiça! Ó meu Deus, atendei minha prece e escutai as palavras que eu digo!
Refrão: É o Senhor quem sustenta minha vida!

Pois contra mim orgulhosos se insurgem, e violentos perseguem-me a vida: não há lugar para Deus aos seus olhos. Quem me protege e me ampara é meu Deus; é o Senhor quem sustenta minha vida!
Refrão: É o Senhor quem sustenta minha vida!

Quero ofertar-vos o meu sacrifício de coração e com muita alegria; quero louvar, ó Senhor, vosso nome, quero cantar vosso nome que é bom!
Refrão: É o Senhor quem sustenta minha vida!

2ª Leitura - Tg 3,16-4,3

Leitura da Carta de São Tiago

Caríssimos: Onde há inveja e rivalidade, aí estão as desordens e toda espécie de obras más. Por outra parte, a sabedoria que vem do alto é, antes de tudo, pura, depois pacífica, modesta, conciliadora, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade e sem fingimento. O fruto da justiça é semeado na paz, para aqueles que promovem a paz. De onde vêm as guerras? De onde vêm as brigas entre vós? Não vêm, justamente, das paixões que estão em conflito dentro de vós? Cobiçais, mas não conseguis ter. Matais e cultivais inveja, mas não conseguis êxito. Brigais e fazeis guerra, mas não conseguis possuir. E a razão está em que não pedis. Pedis, sim, mas não recebeis, porque pedis mal. Pois só quereis esbanjar o pedido nos vossos prazeres.
Palavra do Senhor.
Graças a Deus!

Evangelho - Mc 9,30-37

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos

Naquele tempo: Jesus e seus discípulos atravessavam a Galiléia. Ele não queria que ninguém soubesse disso, pois estava ensinando a seus discípulos. E dizia-lhes: 'O Filho do Homem vai ser entregue nas mãos dos homens, e eles o matarão. Mas, três dias após sua morte, ele ressuscitará'. Os discípulos, porém, não compreendiam estas palavras e tinham medo de perguntar. Eles chegaram a Cafarnaum. Estando em casa, Jesus perguntou-lhes: 'O que discutíeis pelo caminho?' Eles, porém, ficaram calados, pois pelo caminho tinham discutido quem era o maior. Jesus sentou-se, chamou os doze e lhes disse: 'Se alguém quiser ser o primeiro, que seja o último de todos e aquele que serve a todos!' Em seguida, pegou uma criança, colocou-a no meio deles, e abraçando-a disse: 'Quem acolher em meu nome uma destas crianças, é a mim que estará acolhendo. E quem me acolher, está acolhendo, não a mim, mas àquele que me enviou'.
Palavra da Salvação.
Glória a vós Senhor!

Refletindo ...

O Santíssima Virgem Maria, mãe de Jesus e nossa mãe, vede como muitas vez nós não prestamos muita atenção às palavras de vosso Filho, imitando os seus apóstolos, que ouvindo o aviso de que Ele seria entregue nas mãos dos homens, e seria condenado a morte, mas ressuscitaria no terceiro dia; estavam na verdade discutindo que seria o maior no reino de Jesus, pois estavam pensando apenas como pessoas apegadas a terra, pensando em seu bem estar, e por isso quando Jesus lhes perguntou o que discutiam no caminho e eles ficaram caldos, jesus sabendo o que haviam discutido lhes advertiu: "Quem quiser ser o maior deve ser o menor, o mais humilde, aquele que serve aos outros". Sim realmente o Cristo jesus nos mostra que é a humildade que faz com que possamos alcançar a recompensa eterna e não o orgulho, é o desapego dos bens materiais, que nos pode levar à conquista do reino dos Céus. E Jesus ainda nos mostra que devemos seguir o exemplo de uma criança, acolhe-la, ser simples igual a ela, pois se a acolhemos em nome de Jesus estaremos acolhendo o próprio Cristo e acolhendo a Cristo Jesus estamos acolhendo ao Pai. Que cada um de nós olhe para o alto, pois é para lá que queremos ir.

22/09 - Sábado da 24ª Semana do Tempo Comum

1ª Leitura - 1Cor 15,35-37.42-49

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios

Irmãos: Alguém perguntará? Como ressuscitam os mortos? Insensato! O que semeias, não nasce sem antes morrer. E, quando semeias, não semeias o corpo da planta, que há de nascer, mas o simples grão, como o de trigo, ou de alguma outra planta. Pois assim será também a ressurreição dos mortos. Semeia-se em corrupção e ressuscita-se em incorrupção. Semeia-se em ignomínia, e ressuscita-se em glória. semeia-se em fraqueza, e ressuscita-se em vigor. Semeia-se um corpo animal, e ressuscita-se um corpo espiritual. Se há um corpo animal, há também um espiritual. Por isso está escrito: o primeiro homem, Adão, 'foi um ser vivo'. O segundo Adão é um espírito vivificante. Veio primeiro não o homem espiritual, mas o homem natural; depois é que veio o homem espiritual. O primeiro homem, tirado da terra, é terrestre; o segundo homem vem do céu. Como foi o homem terrestre, assim também são as pessoas terrestres; e como é o homem celeste, assim também vão ser as pessoas celestes. E como já refletimos a imagem do homem terrestre, assim também refletiremos a imagem do homem celeste.
Palavra do Senhor.
Graças a Deus!

Salmo Responsorial - Sl 55

Refrão: Na presença do Senhor, andarei na luz da vida.

Meus inimigos haverão de recuar em qualquer dia em que eu vos invocar; tenho certeza: o Senhor está comigo!
Refrão: Na presença do Senhor, andarei na luz da vida.

Confio em Deus e louvarei sua promessa; é no Senhor que eu confio e nada temo: que poderia contra mim um ser mortal?
Refrão: Na presença do Senhor, andarei na luz da vida.

Devo cumprir, ó Deus, os votos que vos fiz, e vos oferto um sacrifício de louvor, porque da morte arrancastes minha vida e não deixastes os meus pés escorregarem, para que eu ande na presença do senhor, na presença do Senhor na luz da vida.
Refrão: Na presença do Senhor, andarei na luz da vida.

Evangelho - Lc 8,4-15

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas

Naquele tempo: Reuniu-se uma grande multidão, e de todas as cidades iam ter com Jesus. Então ele contou esta parábola: 'O semeador saiu para semear a sua semente. Enquanto semeava, uma parte caiu à beira do caminho; foi pisada e os pássaros do céu a comeram. Outra parte caiu sobre pedras; brotou e secou, porque não havia umidade. Outra parte caiu no meio de espinhos; os espinhos cresceram juntos, e a sufocaram. Outra parte caiu em terra boa; brotou e deu fruto, cem por um.' Dizendo isso, Jesus exclamou: 'Quem tem ouvidos para ouvir, ouça.' Os discípulos lhe perguntaram o significado dessa parábola. Jesus respondeu: 'A vós foi dado conhecer os mistérios do Reino de Deus. Mas aos outros, só por meio de parábolas, para que olhando não vejam, e ouvindo não compreendam. A parábola quer dizer o seguinte: A semente é a Palavra de Deus. Os que estão à beira do caminho são aqueles que ouviram, mas, depois, vem o diabo e tira a Palavra do coração deles, para que não acreditem e não se salvem. Os que estão sobre a pedra são aqueles que, ouvindo, acolhem a Palavra com alegria. Mas eles não têm raiz: por um momento acreditam; mas na hora da tentação voltam atrás. Aquilo que caiu entre os espinhos são os que ouvem, mas, com o passar do tempo, são sufocados pelas preocupações, pela riqueza e pelos prazeres da vida, e não chegam a amadurecer. E o que caiu em terra boa são aqueles que, ouvindo com um coração bom e generoso, conservam a Palavra, e dão fruto na perseverança.
Palavra da Salvação.
Glória a vós Senhor!

Refletindo . . .

A mensagem que teu Filho Jesus, nos transmite neste dia, Ó Virgem Maria, mãe de Deus e nossa, é de que devemos ter nosso coração aberto para receber a sua mensagem, para que não caia em terra seca, nem em pedras ou espinhos, mas para que caia em terra boa e possa crescer e frutificar. Que nosso coração não apenas se alegre com a mensagem que Jesus nos transmite, mas que viva realmente a mensagem, para que esta semente, realmente possa crescer, e que suas sementes possam se espalhar para cair em outros corações. Que possamos transmitir esta alegria de viver a palavra de Cristo, para que nosso irmão ao ver a forma de vida que temos possa sentir a graça de Deus chegando até ele, para que nossa vida possa atrair o irmão e não o afastar da fé. Pedimos Ó mãe de deus e nossa que intercedas junto ao teu Filho Jesus, que nosso coração esteja sempre aberto para a mensagem d'Ele e que esta semente possa chegar até meu irmão, pelo qual também sou responsável, pois ninguém se salva sozinho. Como estou ajudando ao meu irmão para permanecer firma na fé, ou sou causa de afastamento? Senhor que eu seja capaz de mostrar a beleza de teu amor e perdão.